quarta-feira, 9 de junho de 2010

Vidas perdidas...


Bom dia,
hoje vim aqui falar sobre uma trajédia que abalou uma familia de Taquara-RS
um grave acidente de carro ocorrido na cidade de Gravataí onde 5 pessoas perderam a vida.

Não conheco ninguém das familias envolvidas vi a noticia ontem pela Tv e há pouco estava lendo uma reportagem na net e fico imensamente triste...

Não cabe a mim julgar quem errou porém me entristece ver que por uma imprudência seja de quem tenha sido, 5 pessoas entre elas um bebê de 1 ano e 2 meses perderam suas vidas.

Tenho habilitação p moto desde 2004 e confesso que nunca me senti a vontade no periodo que dirigia moto, em dezembro passado como lhes contei aqui alterei minha habilitação para carro e continuo vendo cada barbarie que os motoristas comentem no trânsito.

Eu graças a Deus nunca me envolvi em trânsito enquanto motorista de um veículo mas há uns quatro anos mais ou menos um maluco alcoolizado bateu no carro que meu marido dirigia,não morremos todos por que Deus não permitiu e guiou a mão do meu marido conseguindo tirar o carro o máximo que podia,ele bateu com tamanha força em nós que a roda do carro foi arrancada e felizmente não bateu de frente, pegou entre o meio e a traseira do carro que ficou destruido.


Não custumo correr, procuro andar dentro do permitido e ultrapasso apenas se tenho certeza.
E inúmeras vezes percebo outros motoristas sacudindo a cabeça em desaprovação.
Não ligo pois a minha vida e a daqueles que estão há minha volta é mais importante do que qqr cara feia.
Para a grande maioria a pressa domina e a segurança fica em segundo plano.

Ultrapassagem em local proíbido, pelo lado errado, excesso de velocidade, imprudência.
Sei que é meio repetitivo dizer que o carro é uma arma, mas infelizmente ele é!E diariamente destroça familias e acaba com vidas.


Deixo aqui meu desabafo e minha lamentação, sentindo um imenso pesar por estas vidas.

2 comentários:

ELISABETE- disse...

oi dani,nao mude sua ideia,mesmo que a critiquem,pois é vc que tem razao.todo o mundo deveria ter esse cuidado.a 21 anos atras faleceu uma familia da minha aldeia,eram o casal e 2 filhos mais um individuo da aldeia,e por causa de um individuo sem civismo,foi contra o carro do casal,faleceu o dito casal e um filho(o mais novo),o filho mais velho furou o pulmao,e o vizinho nao teve nada.ainda hoje o filho mais velho do casal,esta em frança mas sofre do trauma de ter perdido a familia.força amiga com a sua convicçao,deveria-mos todos ter essa maneira de pensar.é por causa de um acidente assim(tinha eu 12 anos)que bloqueio e nao consigo tirar a carta,ja tenho quase 40.bjinho

Elaine Carlini disse...

Dani. Também fiquei chocada qundo vi a notícia na net. Graças a Deus nunca estive envolvida em acidente, mas tenho visto cada imprudência de arrepiar. Bjos Elaine Carlini