segunda-feira, 6 de julho de 2009

Crack, nem pensar!!!

Últimamente tem se falado muito em drogas e em como manter-se afastado delasem especial o Crack q é o que está terminando com esta juventude, não q seja somente jovens q se envolvem mas a grande maioria sim.É muito triste ver as pessoas se perderem...
perderem sua dignidade, perderem seu caráter e num futuro não muito distante perderem a vida
Hoje me assusta o fato de ver q em cada ponto de qqr cidade há um traficante disposto a ceifar a vida de uma criança, de um adolescente sim pq estes são mais vulneráveis à suas investidas e assim mais suscetiveis ao consumo desta porcaria.
Muitos entram nesta vida sem nem saber direiro o q será sua vida a partir dali...
Muitos tem tdo e jogam tdo fora por uma vida de loucura, alucinação e desgraça
q findará em breve deste maneira.
Se a droga não os mata, morrem na mão de bandido ou policia.
Conheço uma pessoa q atualmente tem 15 anos, já passou por duas desintoxicação e vive a maldição do vicio do crak
é um mal praticamente sem volta,um caminho q certamente a levará a morte
É triste ver no q uma pessoa pode se envolver e o q pode ela fazer p adquirir algumas pedras
não existe mais apego, não existe mais amor, não existe mais pudor tudo é finito.
Menos o vicio q cada vez mais e mais toma a vida e governa os sentidos.
O vicio já é tdo! nada mais importa, está acima do bem e do mal.
Por mais q se faça, q se mostre, q se implore...não há volta
Não há mudança nas atitudes, não há vontade ou força de vontade p mudar.
É o caminho para o fim....
Por conviver com esta situação mesmo não estando diretamente ligada à ela
e como mãe de um lindo adolescente, q sonha como menino na pureza de seus 12 anos
peço q preste atenção a cada sinal emitido por seu filho,cada mudança de comportamento queira saber quem são seus amigos, onde ele está e com quem está
policie mesmo, mesmo q isso seja chamado de careta de pegação de pé
seja careta !pegue no pé!
eu conheço meu filho até num olhar e acredito q toda mãe conheça o seu
o q precisa ser feito e encarar de frente e não fingir q nada acontece antes q seja tarde demais.
Hj muitos pais acham mais conveniente fingir q nada anormal está acontecendo
na triste ilusão do problema não existir.
Mas ele infelizmente existe e está ai p terminar ainda com muitas vidas, com muitas familias.
Pois ele não escolhe idade, cor da pele nem classe social.

Pais muita atenção, pois uma vez viciado a volta é quase impossivel ...isso é real.

Acesse e obtenha mais informações sobre a campanha Crack, Nem pensar:

http://www.clicrbs.com.br/especial/rs/cracknempensar/home,0,3710,Home.html

1 comentário:

elisabete disse...

oi amiga,acabei de ler a sua postagem e acrescento por vezes vijiado dà nisso tambem.em portugal o filho de uma visinha,entrou nesse vicio tambem,por varias vezes ,ia matando a mae ou o pai com facas,fez muitas tentativas de desintoxicaçao sem efeito.um dia apaixonou-se por uma rapariga e quase saiu desse vicio,quando ela descobriu,deixou-o.ele nao suportando a separaçao,e depois de ter posto varias vezes a vida dos pais em perigo,decidiu-se a parar para reatar o namoro e foi a salvaçao dele,entrou para uma nova cura-com sucesso-deixou o vicio e hoje està casado a dois anos e tem um bebe com 6 meses.SE ELES NAO TIVEREM FORçA DE VONTADE E ACOMPANHAMENTO NAO Dà RESULTADOS,FAçAM AS TENTATIVAS QUE FIZEREM.EU TENHO 3 FILHOS E ADMITO TENHO MEDO,MUITO MEDO.BJINHOS